Chalutzim Brasileiros

Passado e Presente Contínuo                                     

 (de jovens sionistas brasileiros em Israel)

                Os primeiros pioneiros (chalutzim) do Brasil chegaram à Palestina sob Mandato Britânico em 1946. De lá para cá, outras centenas se estabeleceram em vários kibutzim e cidades de Israel. De fato, mudar o rumo da história judaica era algo revolucionário como nadar contra a corrente. E mais, sonhavam pretensiosamente construir um coletivo justo e igualitário na forma do kibutz. Muitos deles se distinguiram na academia, ciências, artes, arquitetura, governança, medicina e tecnologia – muito além da sua proporção na população israelense – alguns   merecidamente agraciados e reconhecidos a nível nacional.

                Viver em Israel, país  de complexidades mil, foi e continua sendo um grande desafio. Atualmente, além de tudo, nos confrontamos com políticas governamentais adversas aos nossos valores e ethos liberais, democráticos e  igualitários. E temos a pretenção de registrar nossa presença, vivência e destinos em Israel. Pretendemos outrossim, criar um banco de dados acessível a pesquisadores, formadores de opinião, jornalistas, líderes comunitários, historiadores e interessados em geral. Ajude-nos a realizar!

                Você está convidado a propor uma biografia de bogrim de movimentos juvenis no Brasil que contribuiram à sociedade israeli.

Veja Quem Já foi cadastrado:


Chalutzim Brasileiros

Gestor de conteudo
Members
27
Details
Brasileiros Oriundos de Movimentos Juvenis que depois da Aliá contribuiram à Sociedade Israelense em seu campo de atividade
Sort by
Divulgue a mensagem

Leave a Comment